RUKH NO PRIDE #01: Shion e Yayoi | Vamos falar sobre a representatividade LGBT em Psycho-Pass?



O mês de junho é conhecido internacionalmente como o #PrideMonth, referindo-se ao Orgulho LGBT, que inclusive celebra no dia 28 o Dia Internacional do Orgulho LGBT. Aproveitando esse momento, decidimos estrear uma nova coluna no blog: a Rukh no Pride.

Temos como objetivo trazer pelo menos uma ou duas postagens por mês que falem sobre personagens ou casais LGBTs em animes, afinal, a representatividade importa. Não vamos considerar personagens ou casais que sejam dos gêneros específicos de Yaoi e Yuri, pois estes obviamente não serão héteros; queremos falar sobre a representatividade em outros gêneros.

As postagens serão informativas, trazendo a história de cada personagem ou casal e mostrando como ele contribui para a representatividade LGBT. As informações não necessariamente serão todas advindas dos animes - algumas estarão aqui a título de curiosidade, porém possuem fontes confiáveis.

O primeiro casal escolhido é de Psycho-Pass, formado por Karanomori Shion e Kunizuka Yayoi. Caso não tenham terminado a primeira temporada do anime ou pretendam ler a Novel, estejam atentos para possíveis spoilers.

(Créditos da fanart: Pixiv ID 46937870)


Karanomori Shion (唐之杜 志恩) trabalha como técnica de laboratório, atuando principalmente como analista; além disso, também possui formação para atuar como médica. Ela não costuma ser do tipo animado e não gosta do Ministério de Segurança Pública porque acredita que a carga de trabalho que eles estabelecem a ela é excessivamente alta. Shion é bissexual, tendo "preferência" por homens mais velhos e meninas fofas.

Curiosidades: Shion é vista fumando na maior parte do tempo; carne é sua comida preferida; ela não gosta de melão; seu lema é: "Acredite no seu instinto."

No anime ela é dublada pela talentosíssima Miyuki Sawashiro (a voz se  encaixa perfeitamente, não dá nem pra imaginar outra pessoa fazendo o mesmo papel), que já dublou personagens como Ultear de Fairy Tail, Seri de K, Saeko de Highschool of the Dead, entre outros.

Kunizuka Yayoi (六合塚 弥生) é uma Executora da Primeira Divisão, tendo como especialidade o controle de robôs. Ela tem uma personalidade fria e calma, preferindo passar seu tempo livre lendo ou fazendo algo produtivo, e dificilmente demonstra qualquer tipo de emoção. No entanto, isso não significa que ela não possua coração, tendo em vista que ocasionalmente expressa compaixão pelos outros (como pôde ser visto no caso da Shimotsuki na S1). Yayoi é lésbica e tem um conflito desenvolvido com sua ex em um dos episódios do anime.

Curiosidades: Yayoi gosta de jogar tênis de mesa; ela gosta de assistir a apresentações musicais e ouvir música; o livro favorito dela é Sentimental Education de Kaho Nakayama, pois ele ilustra a dificuldade de casamentos entre pessoas do mesmo sexo quando eles ainda eram ilegais.

No anime ela é dublada pela também talentosíssima Shizuka Itou, que captura perfeitamente essa natureza mais fria e calma de Yayoi. Shizuka já dublou personagens como Lenalee de D. Gray-man, Kaori de Toaru Majutsu no Index II e Kyouko de Mahouka Koukou no Rettousei.


Para quem se atenta aos detalhes provavelmente já percebeu bem no comecinho do anime que havia algo entre a Shion e a Yayoi (basta dar uma olhada nessa cena aqui), no entanto, não sabíamos se o caso se tratava de um relacionamento amoroso ou apenas de uma amizade colorida. São poucos os momentos em que se mostra uma ligação mais aprofundada entre as duas no anime, mas é aceitável quando paramos para pensar que ele nunca se propôs a desenvolver romance. 

"Uh... Me desculpe por discutir sobre isso enquanto você está comendo."
"Hm? Do que você está falando?"
"Yayoi não ficaria incomodada com algo desse tipo."
"Ela curte mais coisas violentas e excitantes."
"...... Um?"
Apesar disso, acredito que Psycho-Pass merece vários pontinhos no que diz respeito à representatividade por 1) estabelecer que uma personagem é bissexual e outra lésbica; 2) fazer questão de mostrar que existe um relacionamento entre elas; 3) tratar como algo absolutamente normal.

Quero destacar o primeiro ponto porque ele quebra o estereótipo encontrado quando se fala sobre pessoas bissexuais. Shion tem uma natureza brincalhona, às vezes flerta com outros personagens, mas não é nada que possa ser levado a sério. Yayoi se sente insegura quanto ao comportamento de Shion, pois ela pensa em um primeiro momento que a relação das duas não é nada mais do que uma amizade colorida. Contudo, essa insegurança deixa de existir conforme o relacionamento delas progride. 

Yayoi costumava pensar que seus sentimentos não eram correspondidos. Ela não fazia a menor ideia do que a Shion pensava, não sabia por quanto tempo poderia ser sua parceira, não entendia por que havia se apaixonado por uma pessoa como ela. Shion, posteriormente, prova que ela estava muito enganada.

Houve uma cena na Novel em que elas foram passar a noite juntas e Yayoi começou a chorar enquanto dormia. Ela acordou com o dedo de Shion passando pelo seu rosto secando suas lágrimas. Pediu desculpas, mas Shion disse que aquilo não era algo pelo qual ela deveria se preocupar, no entanto, disse também que Yayoi desculpar-se como uma criança era bonitinho. Shion não demonstrava muito, mas se preocupava com ela.

Na última cena do anime em que elas estão na cama, Yayoi estava pensando sobre várias coisas. Sentia-se triste pela morte do Masaoka, o desaparecimento do Kagari (que era como um irmão mais novo pra ela), e tinha mixed feelings sobre o Kougami porque achava que Shion e ele se pegavam e sentia ciúmes por isso.

Durante os eventos que ocorreram entre a primeira e a segunda temporada do anime, houve um caso em que a Primeira Divisão teve que investigar uma série de assassinatos infantis. Yayoi se envolveu com espionagem e várias coisas aconteceram, até que ela descobriu que quem estava por trás de tudo era a Takizaki Rina (sua ex), e eventualmente a matou. Eu não encontrei tradução desse volume, mas vou elencar alguns acontecimentos que foram traduzidos por um usuário do Tumblr:

Durante um mês de investigação Shion só pôde ver Yayoi através de monitores e todas as conversas delas envolviam a Akane. Shion reclamou que seu trabalho tinha roubado sua namorada. E ela queria que a Yayoi tivesse pelo menos mandado uma mensagem pra ela.

Yayoi se esforçou para não tocar mais violão desde que se tornou uma Executora. Shion nunca tinha ouvido Yayoi tocar.

Em um momento da história Shion foi com a Primeira Divisão à cena do crime, onde encontrou Rina, que posteriormente a esfaqueou. Shion acabou ficando sozinha e pensou que iria morrer, que foi quando disse o seguinte: "Por favor, alguém que consiga me ouvir, diga que Karanomori Shion ama Kunizuka Yayoi até a morte".

Shion disse a Yayoi antes de ela ir atrás da Rina: "Para ser sincera, eu não conseguia aceitar que você fosse atrás da Takizaki Rina. Pensei que você não voltaria. Mas agora é diferente. Você tem que encontrá-la de novo. Está tudo bem. Seja lá quem você escolher, vou aceitar sua decisão."

E aí, no final, houve uma cena super romântica em que Shion disse: "Não existe algo mais doloroso e nocivo para as pessoas do que sexo sem amor. Mas também não há algo que possa curar melhor e tornar laços mais fortes do que sexo com amor. Sabe, Yayoi, eu te amo."

Aqui, o estereótipo de "pessoas bissexuais não conseguem ser fiéis" ou "não se contentam em ficar com uma só pessoa" é completamente quebrado. A insegurança de Yayoi desaparece. A relação entre elas é fortalecida, e fica muito claro como a evolução da comunicação fez uma grande diferença para que isso acontecesse. Ambas são maduras o suficiente para lidar com o passado uma da outra.


Shion é cinco anos mais velha do que a Yayoi; 
• Elas usam o mesmo perfume (Ombre Rose, e Yayoi afirma que esse é o objeto preferido que ela tem em seu quarto); 
Shion ajuda Yayoi com seu "tratamento de beleza"; 
O que a Yayoi mais gosta na Shion é o jeito com que ela é direta, enquanto o que menos gosta é sua teimosia.

Yayoi Kunizuka. Psycho-Pass Wikia. Disponivel em: <http://psychopass.wikia.com/wiki/Yayoi_Kunizuka> Acesso em: 29 jun. 2016

Shion Karanomori. Psycho-Pass Wikia. Disponivel em: <http://psychopass.wikia.com/wiki/Shion_Karanomori> Acesso em: 29 jun. 2016

Karanomori Shion and Kunizuka Yayoi. wavy & proud. Disponivel em: <http://nami-di-wave.tumblr.com/post/81906686112/karanomori-shion-and-kunizuka-yayoi> Acesso em: 29 jun. 2016

Psycho-Pass Asylum 2. wavy & proud. Disponivel em: <http://nami-di-wave.tumblr.com/post/113000177452/psycho-pass-asylum-2> Acesso em: 29 jun. 2016

Psycho-Pass Asylum 2: About Girl. wavy & proud. Disponivel em: <http://nami-di-wave.tumblr.com/post/126174152107/psycho-pass-asylum-2-about-girl> Acesso em: 29 jun. 2016